Empresa chinesa vai lançar um robô de mineração de asteroides

ANÚNCIO

A empresa Origin Space espera fazer parte da indústria de trilhões de dólares, mas os cientistas advertem que os recursos espaciais não devem ser explorados em excesso.

Empresa chinesa vai lançar um robô de mineração de asteroides
Foto: (reprodução/internet)

Aa empresa chinesa anunciou planos de lançar um robô de mineração de asteroides no espaço em novembro.

ANÚNCIO

A Origin Space lançará seu primeiro bot a bordo de um foguete Long March, operado pela Administração Espacial Nacional da China, após um impulso da China para encorajar empresas privadas a iniciar a mineração de recursos espaciais.

A empresa com sede em Pequim chamou sua máquina NEO-1 de “robô de mineração espacial”, embora seja mais um garimpeiro do que um mineiro de verdade.

Ele será usado para testar tecnologias e sequências necessárias para pousar e extrair um asteroide para minerais valiosos e elementos como ouro, prata e cobalto

ANÚNCIO

O co-fundador da Space Origin, Yu Tianhong, disse ao IEEE Spectrum: “O objetivo é verificar e demonstrar múltiplas funções como manobra orbital da espaçonave, captura simulada de pequenos corpos celestes, identificação e controle inteligente da espaçonave”.

Ambições para o espaço

A mineração de recursos espaciais tem se mostrado cada vez mais popular nos últimos anos, com uma série de empreendimentos que visam lucrar com a indústria potencialmente, trilhões de dólares.

A perspectiva de uma nova corrida do ouro levou à resistência de alguns cientistas, que temem que outros planetas e objetos celestiais sejam explorados da mesma forma que a Terra tem sido nos últimos séculos.

Leia também: NASA anuncia que está procurando empresas para ajudar na mineração da lua

Uma proposta do ano passado exigia que 85% do sistema solar fosse protegido das atividades industriais e “deixado como uma região selvagem”.

Traduzido e adaptado por equipe Revolução.etc.br

Fontes: Independent.uk, IEEE Spectrum

ANÚNCIO