Telepath, a nova rede social que tenta consertar o Twitter

ANÚNCIO

Como uma equipe de ex-funcionários da Quora está usando as lições aprendidas no Twitter estão tentando tornar as redes sociais novamente divertidas

Telepath, a nova rede social que tenta consertar o Twitter
Foto: (reprodução/internet)

Em julho, em meio ao surgimento da rede social Clubhouse, alguns usuários relataram ter sido assediados por outros membros. Isto parecia ruim, mas na época a empresa não tinha diretrizes sobre como os usuários deveriam se comportar no site.

ANÚNCIO

 Os deveres de moderação foram deixados para os dois co-fundadores, então os únicos funcionários da empresa, e é justo dizer que a fiscalização não era seu foco em tempo integral.

A outra visão, é que qualquer projeto social deveria começar com moderação em mente. Os aplicativos que conhecemos muitas das formas em que eles serão usados, e mal utilizados. Começar sem um plano para lidar com esses usos maliciosos é caminhar por um caminho que previsivelmente leva a problemas.

O novo Twitter?

Richard Henry e Marc Bodnick, que antes trabalhavam juntos na comunidade de perguntas e respostas Quora, anunciaram hoje um lançamento mais amplo para a Telepath, um novo aplicativo para discutir seus interesses. 

ANÚNCIO

 O aplicativo, que como o Clubhouse está disponível apenas em beta e requer um convite para uso, assemelha-se a um híbrido de Twitter e Reddit. Assim como no Twitter, o aplicativo se abre para um feed central de atualizações de pessoas e tópicos que você segue.

 E, como no Reddit, cada post deve ser criado dentro de um grupo, que o Telepath chama de “rede”.

Mas o que se destaca no Telepath é sua abordagem à moderação – que é tanto mais agressiva quanto mais construtiva do que qualquer outra que eu já vi em um aplicativo social apoiado por empreendimentos neste estágio de desenvolvimento.

Leia também: Facebook busca excluir informações enganosas de sua plataforma

Como sempre, existem tradeoffs. O Telepath exige que os usuários usem seus nomes reais, o que torna o uso da Internet mais difícil para ativistas e dissidentes. 

Requer também o uso de um número de celular real – aquele que você recebe de sua operadora. E talvez o mais importante, você tem que agir da maneira que o Telepath lhe diz para agir.  

Se você é o tipo de pessoa que passa muito tempo no Twitter, onde atacar as pessoas e insultar o que elas postam pode, às vezes, parecer o ponto alto da rede social, esta regra pode parecer um alívio. 

O Twitter passou mais de dois anos ponderando como ele poderia “servir para conversas saudáveis” com pouco para mostrar além de melhores ferramentas de denúncia de abusos e aplicação da lei.

O Telepath, por outro lado, está apenas dizendo a todos para serem simpáticos uns com os outros ou então, terão suas contas deletadas do aplicativo.

Traduzido e adaptado por equipe Revolução.etc.br

Fontes: The Verge, Twitter

ANÚNCIO