Elon Musk anuncia startup de túneis de alta velocidade (The Boring Company)

A startup será lançada oficialmente em um evento sobre inteligência artificial, em Xangai, China.

A The Boring Company, nova startup de Elon Musk, será lançada em Xangai, na China, em um evento sobre Inteligência Artificial. A startup é de túneis de alta velocidade, que materializou, em três anos, dois projetos: um túnel teste que fica situado perto da sede da empresa, na Califórnia, e outro em Las Vegas, que conta com uma extensão de quase 2 km, no total.

Elon Musk anuncia startup de túneis de alta velocidade (The Boring Company)
Foto: (reprodução/internet)

Projetos da startup

Algumas pessoas podem pensar que três anos de empresa já é o suficiente para construir mais do que dois projetos. Já outras pessoas podem pensar que dois projetos em três anos está de bom tamanho. Elon Musk tem ideias mais ousadas do que tudo o que produziu na startup, mas, mesmo elas sendo o motivo de a startup existir, infelizmente foram barradas pelos reguladores dos Estados Unidos.

Um de seus projetos mais famosos tem como objetivo construir um sistema de túneis em Chicago e, também, um túnel entre Washington e Nova York. Apesar de esses projetos não estarem prontos — não terem sequer começado e possuírem apenas uma ideia —, o objetivo é nobre: segundo Elon Musk, a criação desses túneis poupará muito tempo de quem dirigir por lá, reduzindo algumas viagens em questão de horas!

The Boring Company e a China

A China é conhecida por, além de muitas outras coisas, ter uma rapidez em seus serviços de construção. Em 2018, quando Elon Musk viu uma notícia dizendo que uma estação de trem chinesa tinha sido construída em apenas nove horas — o que, no Brasil, poderia levar meses ou até mesmo anos para acontecer —, correu para o Twitter e elogiou a infraestrutura da China, dizendo que é 100 vezes mais rápida do que a dos Estados Unidos (o tweet pode ser visualizado aqui).

Elon Musk foi, depois de alguns meses, até a China com o objetivo de fechar um acordo, o qual consistia na construção de uma fábrica da Tesla, em Xangai. Desta vez, ele viu de perto o cenário chinês e comunicou à imprensa sobre o trabalho rápido e árduo que os chineses tinham. Segundo ele: “O mundo nunca viu energia humana e vigor nesta escala.”

A fábrica da Tesla do acordo entre a China e Elon Musk é de capacidade para produzir 500 mil carros por ano. A fábrica produz carros elétricos a um preço mais baixo, a fim de torná-lo mais competitivo em relação aos outros veículos.

Mais sobre Elon Musk

Elon Musk é um importante nome do empreendedorismo. Trata-se de um sul-africano-canadense-americano que, além de empreendedor, é também filantropo e visionário. Segundo a Forbes, é a 36ª mais rica do mundo.

É fundador, CEO e CTO da SpaceX, vice-presidente da OpenAI, CEO da Tesla Motors, co-fundador e presidente da SolarCity e fundador e CEO da Neuralink.De fato, é uma pessoa muito importante e que tem grandes projetos para os Estados Unidos e o mundo em si, seja relacionado à sua startup de túneis de alta velocidade ou não.