Desenvolvedores de jogos japoneses definem futuro da Microsoft

ANÚNCIO

A Microsoft está procurando comprar desenvolvedores de jogos japoneses para ter uma melhor posição no mercado asiático.

Desenvolvedores de jogos japoneses definem futuro da Microsoft
Foto: (reprodução/internet)

A Microsoft tem estado em uma onda de expansão de estúdio ultimamente. Comprou a empresa que desenvolveu o jogo Pillars of Eternity, a desenvolvedora Obsidian, o jogo Wasteland da inExile Entertainment e, mais recentemente, Bethesda, desenvolvedora do The Elder Scrolls.

ANÚNCIO

Todos esses estúdios estavam sediados nos EUA, mas parece que a Microsoft está planejando ampliar seus horizontes para dar chance aos talentos estrangeiros.

Microsoft no Japão, uma jogada inteligente

De acordo com a Bloomberg, a empresa de software tem o objetivo de se aproximar do território da Sony no Japão.

O canal diz que vários estúdios japoneses, que estão escolhendo permanecer anônimos (provavelmente para evitar prejudicar as negociações contratuais em andamento), foram abordados pela Microsoft com ofertas de integração ou de compra.

ANÚNCIO

Leia também: PlayStation: A expansão da marca e um futuro distante da realidade virtual

Alguns desses desenvolvedores são grandes, outros são pequenos, mas é claro que a Microsoft está se interessando de verdade e renovando o interesse no mercado japonês. A empresa também esteve em conversas com desenvolvedores e editores na tentativa de convencê-los a disponibilizar mais de seus jogos no Xbox.

O problema da Microsoft

Como muitas pessoas sabem por este ponto, os desenvolvedores japoneses frequentemente favorecem os consoles Sony (e Nintendo, é claro) em detrimento dos da Microsoft, em parte devido ao tempo que muitas vezes leva este último a lançar unidades de console no país asiático.

Resta saber se as ambições da Microsoft serão ou não recompensadas, mas estrangeiros ou não, todos os consumidores se beneficiam do aumento da concorrência.

Leia mais: Novo PlayStation chega com upgrades e permite que o usuário faça tudo pelo App

Se a Microsoft conseguir ganhar uma posição mais forte no Japão, isso poderá levar a Sony a subir no jogo; não que a empresa tenha feito um trabalho pobre ultimamente, é claro.

Estaremos de olho nos esforços da Microsoft no Japão, e o informaremos se a empresa conseguir adquirir algum dos principais estúdios do país.

Traduzido e adaptado por equipe Revolução.etc.br

Fonte: Tech Spot, Bloomberg

ANÚNCIO