Processador ‘A16’ para iPhone com 4nm, similar ao ARM em 2022

ANÚNCIO

A Apple está olhando mais adiante no futuro, particularmente para a produção dos chips iPhone que seguem a engenharia e o projeto do projeto de Silício baseado no ARM dos chips M1.

Processador 'A16' para iPhone com 4nm, similar ao ARM em 2022
Foto: (reprodução/internet)

Atualmente, o iPhone 12 da Apple apresenta o design system-on-chip (SoC) do chip A14, que apresenta um design que integra o sistema do smartphone em um único processador.

ANÚNCIO

A mais valiosa empresa multinacional de tecnologia, a Apple, está agora sob especulações de um novo processador que vai dois anos à frente para o futuro. O futuro Apple Silicon para os iPhones está agora prestes a seguir a arquitetura e ser menor em tamanho do atual chip M1 de 5nm.

O que os boatos afirmam

De acordo com o site Apple Insider, um relatório da Trend Force observa que a Apple é o único cliente que presta atualmente serviços à famosa Taiwan Semiconductor Manufacturing Company (TSMC). Este acordo exclusivo é para os chips M1 de 5-nanômetros da empresa que rodam os últimos MacBook nas linhas da Apple.

Além disso, a Apple não era originalmente o único cliente para a linha de chips de 5nm, pois o HiSilicon da Huawei também estava aguardando o mesmo chip da TSMC, mas não pôde continuar devido às regulamentações dos Estados Unidos.

ANÚNCIO

Leia mais: Apple em alerta: Problemas de exibição afetam modelos do iPhone 12

O Comitê de Investimentos Estrangeiros nos Estados Unidos (CFIUS) está impondo um controle rigoroso entre as empresas estrangeiras que têm vínculos com empresas americanas.

O relatório também cita que a TSMC está aguardando as ordens da Apple sobre a produção dos chips SoC de 4nm que em breve seriam chamados de “A16”, após a designação do nome do chip do iPhone. O atual 5nm é o nó mais avançado da TSMC, também o processador mais potente da Apple para os computadores Mac.

Os chips da Apple: Mais pequenos e mais poderosos

A famosa “Lei de Moore”, que previa o desenvolvimento de computadores e a evolução para processos mais poderosos, está se aplicando às inovações anuais da Apple.

De acordo com a Trend Force, a Apple inicialmente começou seu projeto para o A10x com o chip FinFET de 10nm da TSMC para os iPads, que viu uma tendência de encolher a cada dois anos.

A tendência da Apple sempre verá uma lacuna de 2 anos dentro de cada um, sugerindo fortemente que o próximo encolhimento acontecerá após dois anos.

Leia tambem: Apple pensando no futuro: iPhone “dobrável” pode substituir o iPad Mini em 2022

O lançamento do “A16” veria um SoC menor da atual arquitetura de 5nm do A14 Bionic e do ARM Silicon M1.

A Apple atualmente detém o A14 para o iPhone 12, portanto o próximo chip continuaria a linha com o A15 para o iPhone 13. As previsões sugerem que o A15 SoC adotaria a “Tecnologia 5nm + Wafer” da TSMC, que seria a próxima em linha.

Traduzido e adaptado por equipe Revolução.etc.br

Fontes: Tech Times, Apple Insider

ANÚNCIO