Microsoft Defender Antivirus agora disponível no Android

ANÚNCIO

A Microsoft lançou a primeira versão do antivírus Defender Advanced Threat Protection (ATP) para todos os dispositivos Android. A visualização pública do software antivírus também foi lançada do Linux e está atualmente disponível para todos os usuários do Linux.

De acordo com o relatório mais recente do ZDNet, os usuários da Microsoft agora podem instalar a primeira versão do seu produto antivírus comercial, Defender ATP em seus dispositivos Android a partir de segunda-feira, 23 de junho.

ANÚNCIO

O produto da empresa, nomeado como “Microsoft Defender ATP para Android“, alcançou seu primeiro prévia pública em 23 de junho, depois que foi anunciado na conferência de segurança da RSA em fevereiro de 2020.

defender-android-screens.png

Uma nova opção em seu painel, na qual eles podem ativar o recurso e implantar um aplicativo Android nos dispositivos dos funcionários, agora pode ser acessada por empresas que contrataram a proteção Microsoft Defender ATP.

ANÚNCIO

O novo aplicativo Android da Microsoft pode verificar a existência de malware e outros aplicativos maliciosos nos dispositivos, identificar sites de phishing e maliciosos enquanto o usuário está navegando na Web como um produto antivírus móvel clássico.

Com base em uma lista de bloqueios predefinida, o novo software pode impedir que os usuários acessem determinados sites. A Microsoft disse em seu site que recursos ocultos também estão incluídos no aplicativo Defender ATP para Android, graças à sua integração em um Defender ATP mais complexo e maior, nas plataformas do Gerenciador de Configurações e no Intune.

O Defender ATP cria uma experiência segura

De acordo com o relatório mais recente da Microsoft, o aplicativo impede que os usuários acessem aplicativos corporativos, permitindo que a equipe de TI bloqueie smartphones Android fora da rede corporativa, trabalhando como guardião da rede de uma empresa.

Antivirus DEFENDER ATP's First Version Released by Microsoft on Android Devices: It is Available Now on All Linux Users

Quando o Microsoft Defender ATP para Android descobre que um dispositivo possui aplicativos mal-intencionados, ele o classifica como ‘alto risco’ e o sinaliza no Microsoft Defender Security Center “, disse Kanishka Srivastava, gerente sênior de programas da Microsoft.

Os dispositivos que foram adicionados à lista “alto risco” ao acessar recursos da empresa, como contas do OneDribe e servidor do Outlook, agora podem ser bloqueados pela equipe de segurança da empresa usando conjuntos de regras predefinidas, conforme confirmado por Srivastava.

A empresa espera que dispositivos Android comprometidos, que possam servir como pontos de entrada em repositórios de dados corporativos maiores, possam ser evitados pelo novo recurso.

Dispositivos Android comprometidos podem permitir que hackers roubem ainda mais dados do que os inicialmente disponíveis no dispositivo. O novo antivírus pode registrar e enviar de volta quaisquer detecções de eventos suspeitos para o Microsoft Defender Security Center de cada usuário.

 

Fonte: TimesTech

Traduzido e adaptado por equipe Revolução.etc.br

ANÚNCIO