Maceió terá novo aplicativo de mobilidade para mulheres

A nova plataforma de transporte, chamado “Maju”, chegará à cidade a partir do dia 26 de novembro.

A Prefeitura de Maceió, finalmente, firmou uma parceria com um aplicativo de mobilidade exclusivo para mulheres, intitulado “Maju”. A nova plataforma tem o objetivo de facilitar a vida das mulheres da cidade. 

A proposta é de autoria de Sheila Cunha e Leonardo Bittencourt. Segundo eles, o aplicativo Maju pretende oferecer, a partir de novembro, segurança e conforto tanto para mulheres que desejam trabalhar como motoristas quanto para as usuárias da plataforma. 

O aplicativo além de ser um diferencial na cidade, proporciona mais segurança e comodidade para mulheres que desejam visitar pontos turísticos da cidade. A Prefeitura de Maceió oferece total suporte para que a plataforma funcione com exatidão, já que é um avanço na mobilidade. A expectativa é de que a ideia se espalhe no Brasil e no mundo. 

Novas vagas de trabalho para mulheres 

A plataforma Maju, além oferecer mais segurança às mulheres, é um mecanismo de movimentar o capital da cidade, gerar mais vagas de emprego para as mulheres, além de incluí-las dentro do mercado do empreendedorismo. 

ANÚNCIO

Segundo Flávio Saraiva, gestor da Semtabes, “É mais uma parceria que a prefeitura firma e que vai gerar várias vagas de emprego para mulheres da capital. Elas vão poder incrementar a renda, o que proporciona independência financeira. Estamos também falando de um serviço vai oferecer mais segurança para mulheres que utilizam transporte por aplicativo. Para nós, é uma satisfação, porque a iniciativa em nos procurar e intermediarmos a mão de obra confirma a credibilidade que o Sine Maceió tem”.

Para aquelas que tenham interesse em trabalhar com a nova plataforma ou até mesmo mulheres que queiram entender como funcionará o aplicativo, no próximo dia 4 de setembro, ocorrerá uma palestra promovida pela empresa, onde serão dadas informações sobre o transporte, rentabilidade e os benefícios do aplicativo Maju. Começará às 10 horas, no Sine Maceió, localizado no segundo piso do Shopping Popular. 

Motoristas

Para fazer o cadastro no aplicativo e se tornarem motoristas, as mulheres interessadas terão que apresentar a CNH com atividade remunerada, comprovante de residência, certidão criminal e documentos do carro, na hora da inscrição. A empresa disponibiliza treinamentos para as mulheres cadastradas, palestras de boas maneiras no trânsito, como também informações sobre políticas de prevenção de violência contra mulheres. 

As motoristas cadastradas têm direito a descontos em estabelecimentos parceiros da empresa, como alguns postos de gasolina, lava-jato e clínicas médicas. 

Maju

Uma plataforma alagoana dedicada ao público feminino, tanto motoristas quanto passageiras, crianças de até 12 anos e idosos acompanhados. Como medida de proteção contra assédio e insegurança, o aplicativo Maju conta com um “Botão do Pânico”, que pode ser usado tanto pela passageira quanto pela motorista. 

A empresa também promete cobrar taxas mais baixas que as concorrentes, que cobram até 25% por cada corrida que o motorista realiza. A plataforma também disponibiliza o pagamento de viagens feitas no cartão de crédito em até 24 horas para a motorista.  

ANÚNCIO