LG deixa Huawei de lado enquanto escolhe Apple como principal parceira

ANÚNCIO

A LG Display da Coreia do Sul informou na quinta-feira (22) um lucro para julho-setembro, pondo fim a uma série de seis trimestres de perdas, ajudada por remessas para o novo iPhone da Apple e as tendências de permanência em casa, aumentando a demanda de painéis para TVs e laptops.

LG deixa Huawei de lado enquanto escolhe Apple como principal parceira
Foto: (reprodução/internet)

A LG Display espera um aumento nas remessas de painéis e nas vendas no trimestre atual também e sugeriu que adiou os planos para eliminar gradualmente toda a produção doméstica de painéis de TV com tela de cristal líquido (LCD) até o final do ano para responder à demanda de TV.

ANÚNCIO

Também declarou uma perspectiva positiva para suas vendas à Apple, o que compensaria a suspensão das vendas ao Huawei da China como resultado das sanções dos Estados Unidos.

Leia também: Huawei perde produtos da Samsung e LG: Como serão os smartphones agora?

A LG Display apresentou um lucro operacional de 164 bilhões de won (US$ 145 milhões) contra um prejuízo de 437 bilhões um ano antes.

ANÚNCIO

Isso superou os 64 bilhões de ganhos esperados por 17 analistas, mostraram os dados da Refinitiv SmartEstimate.

A receita subiu 16% para 6,7 trilhões de won, disse a LG Display em um arquivo de regulamentação.

LG e Apple dominando o mercado

A LG Display, que fornece painéis OLED móveis para o iPhone 12 da Apple, disse que um fornecimento ampliado de painéis OLED móveis para um cliente estratégico na América do Norte, ajudou a elevar seus ganhos e está usando toda sua capacidade de produção para responder à demanda do cliente.

Ela disse que poderá retomar os negócios com a Huawei depois que a empresa, juntamente com outros fornecedores, ganhar licenças de exportação nos EUA.

“Estrategicamente falando, é um cliente muito importante para a empresa, mas quando se trata do volume em si, não estamos na fase de fornecer volume de massa, portanto, quando se trata do impacto no próprio negócio, é mais do que manejável”, o diretor financeiro Suh Dong-hee disse durante uma reunião de informação sobre os lucros.

Os planos da LG

A LG Display, que disse em janeiro que interromperia a produção doméstica de painéis de TV LCD até o final do ano, disse que não há nenhuma mudança em seu plano para reformular sua estrutura de negócios de LCD, mas sugeriu que manteria alguma capacidade por enquanto para responder à sólida demanda por TVs.

Leia também: Empresa japonesa vai lançar um carregador magnético sem fio para iPhone 12

Disse que o início de sua fábrica de televisores OLED na China contribuiu para o aumento de seus ganhos, e esperava que as vendas anuais alcançassem cerca de 4,5 milhões de unidades este ano, embora isso ficasse aquém de sua meta anterior de 6 milhões, já que a pandemia atingiu a demanda por televisores high-end no início do ano.

Traduzido e adaptado pela equipe Revolução.etc.br

Fontes: Reuters, Refinitiv SmartEstimate, LG Display

ANÚNCIO