iOS 14 mostra se o usuário do iPhone está sendo monitorado

ANÚNCIO

A Apple lançou o iOS 14, com uma série de atualizações importantes, bem como ajustes na forma como o iPhone funciona.

iOS 14 mostra se o usuário do iPhone está sendo monitorado
Foto: (reprodução/internet)

Um desses ajustes é um recurso de privacidade destinado a dar às pessoas mais informações sobre quando e como eles estão sendo monitorados – e para impedir que aplicativos o façam.

ANÚNCIO

A ferramenta adiciona um pequeno ponto laranja ou verde no canto quando um aplicativo faz uso do microfone ou da câmera. Se o ponto aparecer, significa que um aplicativo acessou uma dessas peças de hardware recentemente e pode estar fazendo isso para espionar o usuário do telefone.

Uma luz laranja aparece para o microfone e também  indica que a câmera está sendo acessada.

Se ela aparecer, deslizando para baixo do canto do telefone para abrir o centro de controle mostrará qual aplicativo estava fazendo isso. O centro de controle deve mostrar ou um ponto laranja ou verde, assim como uma mensagem indicando qual aplicativo é responsável.

ANÚNCIO

A mensagem pode mostrar tanto para aplicativos Apple quanto para aplicativos de terceiros, e para usos legítimos e impróprios.

Os usuários têm que dar acesso a qualquer aplicativo individual que queira fazer uso do microfone ou da câmera, sendo que os aplicativos geralmente solicitam permissão quando são instalados.

Mas até agora não houve maneira de saber como ou quando os aplicativos estão fazendo uso dessas permissões. Ao contrário dos Macs, que mostram uma luz verde quando a câmera está em uso, tanto a câmera quanto o microfone têm sido capazes de se acender silenciosamente e sem aviso prévio.

Atualizações de privacidade da Apple

Qualquer aplicativo que abuse de suas permissões pode ter suas permissões revogadas, indo até o aplicativo Ajustes, rolando até o nome do aplicativo e clicando para desativar seu acesso à câmera, microfone ou outras partes do telefone, tais como fotos ou localização.

O recurso faz parte de uma série de mudanças recentes que a Apple adicionou na tentativa de ser mais transparente sobre quando os dados dos usuários estão sendo acessados. Estas também incluíram lembretes ocasionais sobre quais aplicativos estão acessando dados de localização, e a opção de compartilhar somente fotos específicas com um determinado aplicativo.

Leia também: Cobertura AppleCare+ agora cobre 2 danos acidentais para Assinantes Apple

A Apple assumiu uma série de compromissos públicos sobre privacidade, com o chefe executivo Tim Cook se referindo a ele como um “direito humano”. As mudanças são consideradas parte desse compromisso, com a esperança de que quaisquer aplicativos que acessem as informações sejam dissuadidos de fazê-lo através dos avisos.

Os novos ajustes no iOS 14 já forçaram uma série de empresas a mudar a forma de funcionamento de seus aplicativos após reclamações de usuários, apesar de só ter sido lançado até agora em um beta público. 

Em julho, por exemplo, descobriu-se que a Instagram estava acessando a câmera quando eles estavam rolando pela alimentação – a empresa disse que o problema era um bug e que nenhum dado estava sendo coletado, e o problema agora foi corrigido.

Traduzido e adaptado por equipe Revolução.etc.br

Fontes: Independent

ANÚNCIO