Technorati no topo do mundo e os blogs como modelo de negócios

Technorati Essa é para aqueles que acreditam que “esse negócio de blog” não dá dinheiro (ou então não deveria dar). O Technorati foi eleito pelo Fórum Econômico Mundial (satã para alguns e anjos da globalização para outros) como um dos pioneiros em tecnologia no ano 2006 junto com outras 47 companhias espalhadas pelo mundo. No site do Fórum Econômico Mundial é possível até ver uma entrevista com Dave Sifry o criador do Technorati. Os caras já estão até na Time considerado o termômetro de fama em qualquer coisa no mundo.

Continue reading “Technorati no topo do mundo e os blogs como modelo de negócios”

ROI – Retorno de investimento com web standards

ROI significa Return Of Investment, ou Retorno de Investimento. Já ouviu falar? O Michel vai explicar muito melhor que eu. Mas no geral ROI vem do interesse em saber quais foram os ganhos reais que um projeto obteve, sejam eles financeiros ou não, como aumentar a quantidade de acessos, tornar uma marca mais presente, aumentar o número de clique em um banner tornando-o mais atrativo, tornar a navegação mais rápida e descomplicada. Tudo isto está relacionado com ROI.

Continue reading “ROI – Retorno de investimento com web standards”

Campanha FEED-SE todo mundo e deixe o feed do jeito que você quiser

Porque eu quero é mais que todo mundo FEED-SE Você é dono do seu site certo? É você que tem interesse em atrair determinado tipo de público não é? Se você possui um modelo de negócios que inclui deixar o feed pela metade ou apenas um resumo dele, é um direito seu. Não se sinta acanhado por isso. Por esta razão eu estou lançando a campanha “FEED-SE todo mundo e deixe o feed do seu site do jeito que você quiser“. Continue reading “Campanha FEED-SE todo mundo e deixe o feed do jeito que você quiser”

Imagens gratuitas é com a Stock.XCHNG

Um dos grandes problemas dos web designers e das agências que pegam projetos de baixo orçamento é lidar com licença de imagens. Nem sempre os clientes tem no orçamento uma grana separada para pagar licença de imagens para utilizar em seus sites na web. E quase sempre isso é necessário para um bom trabalho. Como é difícil encontrar imagens de graça com uma boa qualidade. Mas quando eu preciso de uma o primeiro lugar que eu procuro é no Stock.XCHNG. Continue reading “Imagens gratuitas é com a Stock.XCHNG”

O que é mais chato em um e-commerce?

Algumas das minhas teorias pessoais foram comprovadas depois de ler um artigo no eMarketer entitulado "Online Retailers Face Four-Second Barrier" (via Viu isso? do Michel – o conteúdo não está mais disponpivel). O artigo fala de uma pesquisa que pergunta o que mais aborrece um usuário ao visitar um e-commerce atrás de informação sobre produtos ou serviços que ele possuiu algum interesse em adquirir. O que você acha que está em primeiro lugar? Quer pensar mais antes de continuar lendo? Continue reading “O que é mais chato em um e-commerce?”

Estatísticas #3 – Alexaholic. O Alexa turbinado

[Atualização 05/08/2010: O serviço foi descontinuado e incorporado ao Alexa. A funcionalidade descrita neste artigo não está mais disponível]

Das coisas que eu encontro na web e que mais me divertem estão relacionadas a estatísticas. Principalmente as estatísticas do meu site vindas do Google Analytics. A Alexa é uma empresa da Amazon que funciona como um buscador da web e também permite que você tenha acesso as estatísticas de qualquer site já indexado por eles com um mínimo de 10 mil visitantes por mês geralmente. Ou seja, se seu site tem poucos visitantes, é provável que eles não tenham indexado você. Continue reading “Estatísticas #3 – Alexaholic. O Alexa turbinado”

Opa, democracia aqui não! Este espaço é privado e sou eu que mando nesse blog.

Parece que mesmo em países livres, uma das coisas que as pessoas nunca se cansam de falar é em democracia. Na web não é diferente. Todos querem nos lembrar da liberdade de expressão, do código aberto, exaltando a liberdade e por aí vai. Quando se fala em democracia parece que todos se tornam irmãos. Menos o bolso de alguém. Já faz um bom tempo que eu leio eventualmente nos comentários de vários blogs (não vou ficar aqui citando e se você ainda não leu algo parecido, você lê pouco) onde leitores insistem enfaticamente que aquele espaço "tem que ser democrático" que ele "tem liberdade de expressão" e ele (um leitor qualquer) pode falar ali o que quiser nos comentários do site. Continue reading “Opa, democracia aqui não! Este espaço é privado e sou eu que mando nesse blog.”

Estatísticas #2 – Google zeitgeist e Google current

O Google Zeitgeist não é uma novidade, talvez apenas para alguns, mas eu gostaria de escrever algumas considerações sobre este “serviço” do Google. Zeitgeist é uma palavra de origem alemã que significa “espírito do tempo” e refere-se as inclinações morais, intelectuais e culturais de uma era. O que o Google quis fazer foi reunir mensalmente as top keywords de alguns países para que você possa ter uma idéia do tipo de informação que as pessoas mais se interessam naquele tempo e que acabam refletindo as “inclinações” culturais de cada nação.

Estatísticas de buscas são geradas automaticamente baseadas em milhões de buscas por período como diariamente, semanalmente, mensalmente etc. Continue reading “Estatísticas #2 – Google zeitgeist e Google current”

Estatísticas #1

Parafraseando (ou plagiando mesmo para os mais íntimos) meu amigo magnata Diego Eis e suas estatísticas do Tableless (o que eu espero que você já tenha visto), estou postando aqui algumas estatísticas dos últimos 3 meses do Revolução Etc.

Continue reading “Estatísticas #1”

A relevância dobrada

Um hábito quase que religioso que eu tenho com o meu site é o de analisar o tráfego do Revolução Etc periodicamente e procurar mensurar resultados do tráfego gerado pelo Google. Sim, basicamente só os do Google. Recebo também vários outros visitantes vindos do MSN e do Yahoo respectivamente, mas nada se compara ao gigante dos buscadores. Geralmente antes de publicar algum artigo eu faço buscas pelas palavras que fazem parte do título escolhido e verifico se meu site se encontra em alguma posição. Em seguida eu anoto pra não me esquecer e dias depois eu retorno com a mesma busca para observar se ouve ganhos e quais os fatores reais que resultaram nisso. Continue reading “A relevância dobrada”