O que você acha de esquecer 800 x 600?

UPDATE: O Bruno Torres e o Manoel Netto também escreveram sobre o assunto. Eu queria fazer mais uma pergunta sem ter que escrever outro post. Quais foram as razões que o A List Apart encontrou (na sua opinião) para não deixar o site com uma experiência confortável para usários com resolução de 800 x 600 e 640 x 480 (que ainda existem, acredite)? Se a resposta for “público alvo“, então eu tenho a minha justificativa para deixar em 1024, certo? A maior revista eletrônica do mundo sobre padrões web foi feita para 1024 como resolução mínima. Alguma objeção?

Estou pensando seriamente em fazer igual o Diego e fazer este site para resolução de 1024. O Jacozão que me desculpe, mas 800 x 600 é obsoleto e deve morrer! Aceito telas de mobiles e resoluções igual ou superior à 1024. Mas entre isso não. Estou planejando algumas bem feitorias por aqui, diversificar o conteúdo postando mais com posts menores (sem deixar de lado os quase dossiês) e uma delas inclui em colocar o site em 3 colunas.

Até então eu acredito que um site assim e em 1024 é uma boa idéia e aceito mais sugestões. Isso é uma coisa que não dá pra fazer nos sites das maiorias dos meus clientes considerando o público. Mas quem aparece por aqui pra ler sobre desenvolvimento, raramente usa um monitor de resolução de 800 x 600. Pensei até em uma versão mobile e documentar o processo de criação aqui. Quem sabe?

54 thoughts on “O que você acha de esquecer 800 x 600?”

  1. Não seria uma má idéia. Eu também estou pensando em alterar a resolução da minha página para 1024. Uma idéia seria usar o espaço novo para colocar a coluna menos popular. Fazendo isso, até aqueles que usam uma resolução de 800 não iriam usar a barra de rolagem horizontal tão frequentemente e, por conseguinte, se importar menos pelo site não ficar totalmente visível em sua tela.

    Ah, um artigo sobre layout para mobiles seria uma mão na roda, também.

  2. Só se você realmente tiver algum conteúdo pra colocar na horizontal. Senão vai ficar que nem o tableless que lá pra baixo fica a metade da tela com texto e a outra metade em branco.
    Só uma opinião.

  3. Eu uso 1280×1024 ha mto tempo, e pra mim 800×600 eh grotesco, mas infelizmente uma pequena porcentagem usa essa resolução ainda, por isso eu dou uma boa atenção a eles. Por exemplo, peguei a estatítica de um site meu, do google analytics, tem uma média de 3000 visitas diárias:

    1o. 1024×768 – 46,38%
    2o. 800×600 – 45,96%
    3o. 1280×1024 – 2,48%

    No meu caso fica impossível eu esquecer essa resolução, mas com ctza depende muito do publico final.

    Abrassss

  4. É isso mesmo,,vc precisa pensar no seu público-alvo sempre.. e realmente, designers e desenvolvedores web possuem monitores de 1024 para cima!!

  5. Acho uma boa, Henrique. Para clientes eu acho bem complicado ainda, mas tudo depende muito do publico alvo. Para o seu caso, voltado a desenvolvedores, acredito ser viável, sem problema algum.

    Abraços

  6. Desde que seja pertinente para seu público, não ha problemas… Com certeza mais de 90% dos seus visitantes frequentes utilizam uma resolução acima de 800×600… portanto não há problemas…

    Eu particularmente não conheço nenhum designer que use resolução de 800×600… 😛

  7. Pra você é uma boa. Pra mim nem pensar. Infelizmente.

    do carloscardoso.com:

    1024×768 – 56.03%
    800×600 – 30.48%

    30% é gente demais para alienar com um layout que não funcionará bem para eles.

    (quanto aos 0,4% que usam 640×480 quero mais que morram 😉 )

  8. Eu já não trabalho mais com sites para 800px, isso é perca de espaço!

    Ja vi muitas estatisticas para ter certeza de que usuários de 800×600 são minoria….

    Isso sem contar os CEGUETAS que compram monitor de 17" para usar 800×600!!!

    Portanto: migrem para 1024px!

    T+

  9. Não concordo.

    Pelo menos no meu site, grande parte dos visitantes ainda utiliza 800×600, e não gostaria de gerar algum desconforto para eles, tendo que utilizar barras de rolagem para visualizar o site na íntegra (falando no sentido horizontal, obviamente).

    É grande o número de usuários que utilizam. Se você tem a intenção de que ocupe um bom espaço na tela, tanto numa resolução como em outra, o que indico são os liquid layouts.

  10. Eu acho completamente interessante. Pense comigo…
    Se o seu público utiliza na GRAAAAANDE MAIORIA 1024 pra cima, é praticamente estar desperdiçando pixels e mais pixels na horizontal para agradar uma minoria… digo mais, SE, colocar sites em 1024 é um ofensa com as pessoas que usam 800 ou 600, não seria a mesma coisa, perdermos tanta tela, e criar tanta rolagem para um minoria. Não vejo problema a minoria (no seu caso) ter uma rolagenzinha horizontal não é? 😉

    Eu particularmente, acho muito válido.

    Meu último trabalho em uma empresa desenvolvedora de site foi para uma gráfica (a maior da américa do sul).. coloquei o site em 1024… o cliente ficou muito satisfeito.. obviamente, fizemos um levantamento antes do desenvolvimento.

    Até!

    Sai em breve a versão.
    http://www.graficasantamarta.com.br

  11. Apesar de usar 800×600 como padrão aqui no trampo e no computador de casa (culpa dos monitores 14"), não vejo problemas em se mudar o layout pra 1024×768 desde que a única coisa que suma em resoluções menores seja a 3ª coluna, e não os textos.

  12. Va em frente chefe.

    1024 é o minimo que a maioria dos desenvolvedores usam e geralmente quem passa por aqui é dessa area.

    Creio que uma versão mobile ainda não é necessária. Mas é uma coisa a se pensar no futuro.

    Parabéns pelo seu trabalho.

  13. É como muitos comentaram, infelizmente eu não posso negar os 28.33% que entram com 800×600. Falando em resolução, resolvi dar uma olhada nas minhas estatísticas…

    Agora eu fico imaginando um monitor com essa resolução: 3200×1200 (apenas uma visita nos últimos 7 dias), acho que esse cara tem que ficar olhando pros lados para ver o monitor inteiro ou então estava acessando meu blog da Nasa.

    E 800×5000 (17 visitas), essa eu nunca tinha ouvido falar. =O

  14. Também acho que deve utilizar 1024, pois acredito que os usuários daqui sejam, na sua grande maioria, desenvolvedores e este tipo de público sempre utiliza 1024, no mínimo.

    Eu sugiro, por exemplo, se for para 1024, que deixe as coisas menos importantes do lado direito do site, desta forma, se a pessoa usar 800×600, vai visualizar oconteúdo "menos" importante somente se rolar o site horizontalmente.

    Um exemplo seria os selos de publicidade e os selos dos livros, estes poderiam ficar do lado direito, se o usuário utilizasse 800×600, esta parte ficaria "oculta" e não prejudicaria informações mais relevantes.

    Acho que é isso.

    Até mais

    Marcelo Spano

  15. De todos os visitantes que recebi em Novembro, 30% ainda usam 800 x 600. É uma quantidade razoável. Acho que o layout ideal deveria ser fluido, que se adapta à largura do monitor do visitante.

  16. Não acho legal.
    Sim, 1024 é maravilhoso, a diferença é enorme, mas público é publico, sou favorável de fazer a diferenciação colocando uma css para 1024 e outra css para 800.

    E convenhamos, ia ser um tremendo paradoxo um site que fala de acessibilidade matar o público que utiliza 800×600

    Abraço
    MM

  17. pegue estatísticas de acesso ao seu blog para ver se pode abandonar o 800×600 mesmo…
    alguns scripts lêem a resolução de tela do usuário.

  18. Nesse caso, tenho que intervir para defender o Jakozão (http://www.useit.com/alertbox/screen_resolution.html), que realmente sugere a questão do "liquid design", não considerando obedecer a resolução 800×600 questão de lei marcial. Só para deixar registrado…

    Além do mais, a variedade de dispositivos é tanta que vale mais se preocupar em separar estrutura, formatação e comportamento, para prover a mesma informação de maneiras diferente. Mesmo assim ainda olho com carinho para 800×600, até mesmo devido a questão do tamanho da linha ser agradável a leitura e fornecer ao layout um espaço de respiro.

  19. Bom, se é realmente o que você quer… agora não se esqueça que aqueles de 1024 que entram aqui, não vão deixar de entrar por causa de uns pixels a menos na largura (tanto eh que eu uso um pouco mais do que isso num monitor 19" lcd e nunca me lixei pra essas coisas

    agora pergunta quantas pessoas voltam num site que precisa de rolagem horizontal

    eu não costumo fazê-lo

    temos que pensar também em um aspecto mais macro cara… tipo, eu sei que você, seus amigos e boa parte de seus usuários devem usar resoluções decentes. Mas a maior parcela da população não.

    Se você não tem pretensões de ajudar na inclusão digital e não se importa com uma minoria que acessa o seu site, vai fundo, é a melhor opção, mas se vc se importa, então tente pensar novamente

    (aliás, a maioria dos visitantes da maioria dos sites que eu gerencio, usam resolução 800×600… e isso com público-alvo variado… )

  20. Péssima idéia.. existem layouts líquidos e elásticos justamente pra permitir flexibilidade de resolução.

    MUITA GENTE usa 800×600 ainda, ignorar essa parcela do mercado é inconsequente.

  21. Uhm, acredito que as estatísticas do tipo de acesso do seu site que devem definir se vale a pena ou não.

    Sobre diversificar o conteúdo com certeza todos vão gostar.

  22. Pelo q eu estive lendo nos comentários, a maioria apoia o uso de 1024. Eu já trabalhei com internet no início da década. Hoje trabalho mais com design gráfico, por isso n tenho muito conhecimento de webstandards nem arquitetura. No entanto, eu discordo.

    Acho q a maioria dos clientes quer ver a sua informação bem distribuída na tela e n quer ter dificuldades para lê-la. E isso, acredito, eh bem esquecido pelos profissionais de web.

    Ninguém é obrigado a ficar forçando a vista para ler uma informação num veículo de comunicação q só oferece desvantagens em termos de ergonomia.

    Eu trabalho com um monitor de 17 e, frequentemente, mudo a resolução para 800 quando quero realmente ler algo. Quero ver os textos grandes e n precisar ficar inclinando a cabeça para frente ou expondo meus olhos à radiação do monitor.

    Acho q sites com pouca massa de texto vc pode fazer numa resolução maior mas, quando o q importa são muitos parágrafos eu prefiro manter o padrão atual. Ou fazer os textos com um tamanho maior. Eu posso aumentar o tamanho da fonte no browser mas isso pode detonar o layout.

    Se o lance eh incentivar o uso de 1024 eu acho legal incentivar o uso de fonte maiores tb.

  23. Sabe o que eu acho…
    Você é um calhorda, estúpido e ainda por cima se acha o tal.
    Achar que só porque as pessoas tem monitor de 800×600 não são desenvolvedores é uma discriminação.

    Quero mais é que você morra, patife!
    (e pode tirar o meu comentário daqui que eu sei que você não é homem para deixá-lo)

  24. Por esse site, tudo bem. A acessibilidade dele já é horrível mesmo. Só que publicar uma idéia dessas aqui é errado.

    Sou desenvolvedor e trabalho em casa em 1280×1024. Mas no trabalho, onde uso um thinclient feito pra interfaces web-based rodando em um VIA C3 de 133Mhz, não dá pra colocar essa resolução. Por lá eu também desenvolvo, tudo que um desenvolvedor precisa é um editor de texto e não uma resolução absurta.

    Como eu falei, pra esse site não faz diferença, ele sequer abre no meu pc do trabalho pela quantidade de scripts e peso na implementação do design.. já não é acessível por natureza.

    O Tableless é outra história. O 1024×768 deles não é tão ruim, ironicamente ele só esconde as propagandas e o site é leve.

    E por fim, esse site, no design atual, já deveria ser liquido há muito tempo, tem todo suporte visual pra isso.. sinceramente não sei porque não é, talvez preguiça (algo comum entre desenvolvedores).

  25. Como estamos num meio de desenvolvedores, é impossível achar um desenvolvedor que trabalhe nesta resolução nativa (com exceção de quando se fazem os testes).
    Agora, eu não colocaria sites para 1024 no site dos meus clientes, pois a configuração deles é ainda de 800 muitas vezes.
    Acredito que aqui para o blog não há problemas.
    Abraços!

  26. No meu blog costumo manter os layouts utilizados na aba de navegação Temas, como uma espécie de histórico das minhas “investidas” na área: CSS e XHTML e nem tanto design. Claro que me esforço para torná-los mais apresentáveis.

    E lá tem layout para todos os gostos, no que diz respeito a resolução, uns meus e outros não.

    Recentemente fiz um novo tema – o Kuler – fluído e de três colunas. E, mesmo assim, fiquei em dúvida de deixá-lo como o principal exatamente por que tenho um número razoável de visitantes que utilizam 800 x 600 (35%).

    Acrescente-se a este fato que a distribuição da informação nesse tema não fica muito legal nessa resolução, reforçando o que foi dito pelo Demetrius. Além do mais, mesmo com a possibilidade dos usuários (os que visitam o meu blog) selecionar o tema que melhor se adeque ao seu caso, eles não estão nem aí ou não sabem prá que aquele treco (a barra Temas) serve.

    Portanto, no meu caso penso não ser ainda a hora.

  27. Pois é Micox…

    Acho que varia de acordo com as estatísticas do site.
    No meu, seria inviável, já que os visitantes que utilizam 800×600 representam +- 30% do total. Não poderia ignorar essa estatística.

  28. impossivel…

    800×600 é mais usado do que voce imagina em colegios e faculdades…

    nós que somos desenvolvedores é realmente dificil achar alguem que tenha 800×600…. no meu trabalho mesmo ngm usa…

    + abandonar .. está muito longe ainda!!

  29. Acho que não se deve tentar forçar uma evolução que irá acontecer naturalmente…
    Assim como foi com os monitores de 14 polegadas, a resolução 800×600 irá cair no desuso, mas infelizmente ainda existem usuários desatualizados, mas que mais cedo ou mais tarde com o tempo irão abraçar a nova tecnologia…

    Se fosse pra forçar algo, eu achava mil vezes mais válido os desenvolvedores se unirem contra o IE6, desenvolvendo sites compatíveis apenas com IE7 e FF, forçando os usuários a atualizarem logo seus browsers. Só teriamos a ganhar com isso…

  30. Não vejo necessidade em exterminar com o 800×600, muitas vezes visualizado o layout em uma tela 1024 tem muito mais estilo. A área em branco ou sem conteúdo parece que deixa uma área de respiro para o usuário, ao menos eu sinto isso. E existem outras soluções do que uma tão radical assim, usar layouts elásticos. É claro que não serve para todos os casos mas fica ai a dica 😉

  31. Sou contra qualquer tentativa de forçar o usuário a fazer aquilo que achamos ser o mais "coerente" (mudar resolução, mudar navegador, etc). Sou a favor conscientização.

    No seu caso Henrique, que tem um publico alvo "diferenciado", você pode usar as estatísticas para analisar o impacto que isso vai ter sobre seus visitantes, haja vista que vai haver sempre aquela parcela que acessa por 800X600 por necessidade, seja ela física/visual ou operacional (nesta caso deve ser menor, mas acredito que há).

    Claro, eu uso 1024 (e às vezes até aumento) em casa mas no serviço só uso em 800 devidos à alguns sistemas em UNIX que rodam na minha máquina e de lá não acesso mais o tableless, portanto, acho errado o que o Diego fez, fere os princípios de usabilidade, e o Jacozão ainda tem razão nesse aspecto.

    O CSS é uma poderosa ferramenta e com ela podemos fazer um eficiente layout líquido, a melhor solução para estes casos.

    Grande Abraço.

  32. Olá Henrique.

    Acredito que você queira aumentar a largura para poder distribuir melhor o conteúdo do seu blog e assim poder também aumentar o conteúdo exibido.

    Recomendo que você crie um layout separado para mobiles.
    Usando um plugin criado pelo Alex King fica super fácil.

    O plugin funciona alternando o tema, do padrão para a versão mobile quando reconhece o user agent.

    Vale a pena conferir.

    Segue o link para a pagina de plugins do Alex.
    http://alexking.org/projects/wordpress
    O nome é WordPress Mobile Edition.

    E Henrique, legal sua idéia de mudar o layout. O atual é muito louco, espero que se vier o próximo, seja melhor ainda!

    E você tem razão. Desenvolvedor deve usar resolução igual ou maior que 1024×768.

    Caso queira fazer um layout "liquido", considere um "elástico". O layout "liquido" pode espalhar muito o conteúdo do seu blog pela tela em uma resolução maior que 1024.
    Me Desculpe por aproveitar-me deste amplo espaço. =)
    Abraço!

  33. Vou tentar responder sua pergunta, embora precise antes dizer que continua sendo uma opção sua, como desenvolvedor e dono do site, escolher de que forma vai trabalhar seu layout, conteúdo, ferramentas, tecnologias, etc. Se no seu público alvo a fatia de usuários 800×600 ou outras resoluções e equipamentos menores for ridiculamente pequena, você tem uma razão forte para mudar. Só fique atento pois a quantidade de telas menores acessando a internet só tende a aumentar (celulares, palmtops, etc), então seria uma boa manter uma folha de estilos alternativa, por exemplo (eu mesmo estou pensando já nisso, embora não tenha UM usuário sequer que o tenha acessado dessa forma. Aliás, comecei agora, seria muita pretensão da minha parte).

    Sobre a pergunta, entram diversos parâmetros que podem ter levado o A List Apart a limitar a largura mínima em 1024. Talvez a principal delas é que se trata de um site norte-americano, onde o acesso à tecnologia é muito mais fácil que nas terras tupiniquins. E nós sabemos o quanto os estadusunidenses estão pouco se lixando para o resto do mundo.

    Adicionalmente ao motivo 1, é bem provável (pela facilidade) que nem exista tal resolução nas estatísticas do referido site. Ainda que outros equipamentos possam acessar o site, acabariam por não fazê-lo, justo pela limitação.

    Fora isso, existe talvez o principal. Eles quiseram e pronto. Você pode notar que o espaço escolhido não está preenchido. A lateral esquerda que é mais larga que a lateral direita (onde existe conteúdo) está totalmente vazia, em branco. Ou seja, eles não limitaram a resolução em 1024 para poder ter mais espaço onde agregar conteúdo, foi simplesmente porque quiseram. O bloco de texto deles é da mesma largura do seu, que mantém largura 800×600 friendly.

    Abraços

  34. Bateu na tecla certa Manoel, a consideração por dispositivos com telas menores, como até o computador educacional de $100, que tem, ou terá, uma tela bem reduzida, pode resgatar as resoluções em desuso em monitores, como até o famoso 640×480.

    Tendo como premissa que todo site traz conteúdo, e devemos focar a atenção do usuário no conteúdo, eu como desenvolvedor posso acessar este site em qualquer lugar, não somente no computador do trabalho, posso acessar um micros de baixa qualidade, cybercafés e derivados.

    Acho que foi aqui mesmo ou no tableless, que tem uma artigo sobre a organização dos textos na web, que textos muito extensos horizontalmente não são recomendados.

    Outra coisa muito importante, que serve em diversos casos, é que espaço "em branco / vazio" não é necessariamente espaço que deve ser preenchido, ele pode ser muito útil no foco da atenção.

    Acho que era isso, não vamos ser radicais pessoal, essa questão nunca deve ser deixada de lado e não sejamos ignorantes nas discussões que envolve a satisfação de todo e qualquer usuário (nosso cliente final) na internet, eles possuem um poder viral incrível, tanto para falar bem quanto mal, e as vezes não sabem o porque não gostaram do site.

  35. As pessoas a maioria das vezes usam 800×600 por falta de informação.

    Alguns alega problema de vista e por isso n usam uma resolução maior..

    Pra mim problema de vista se resolve com um óculos

    Em outra ocasião vc repara que monitores maiores estão cada vez mais frequente.. hoje já é realidade adquirir um de 19 polegadas daqui mais um tempo adquirir os de 21 e maiores tbm será realidade para aqui no brasil.. daí vc logo pode concluir q ninguem com um monitor desse vai usar 800×600..

    Lembrando tbm que o ser humano foi feito para adaptação de acordo com seu habitat.

    Enquanto os designers e desenvolvedores usarem 800×600 como padrão para desenvimento de um website, sempre haverá usuários utilizando essa resolução..

  36. Uau. 2006 a data do tópico. Mas, enfim. 2 casos.
    Trabalho como desenvolvedor em uma empresa grande, mas o setor que usa o sistema citado é pequeno, sendo umas 40 pessoas que o usam frequentemente.
    1. Na empresa que trabalho, uma das usuárias do sistema tem deficiência visual, tendo que usar a resolução de 800×600.
    2. Na casa da minha namorada, sua avó usa o computador e, por ter problemas de visão pela idade, usa essa resolução. O resto do pessoal da casa dela se acostumou com a resolução e continua utilizando ela, não aceitando a outra.

    Portanto, se nesse universo de 45 (40 pessoas da empresa + 5 da família) 2 têm obrigação de usar tal resolução e 6 acabam a usando por costume, uns 14% utilizam. O que é relevante.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *